11 . 2539.6470 / 11 . 2645.7298 / Whatsapp: (11) 96587-7395

Após uma cirurgia plástica, para se manter longe da gordura localizada, celulite e flacidez, vale a pena rever alguns hábitos, sendo o alimentar um dos mais importantes.

Com a correria do dia a dia é realmente um desafio conciliar sua rotina com uma dieta balanceada e ainda praticar atividade física regularmente.

A busca pelo “corpo perfeito”, no meio disso tudo, pode ser feita de forma irresponsável: uso de medicamentos vendidos como milagrosos, ou uma dieta extremamente rígida, sem os nutrientes necessários para uma boa saúde.

Antes de mais nada, é importante prezar belo bem estar. O ideal, tanto para estética quanto para a saúde, é o equilíbrio.

Tenha a boa alimentação como sua melhor aliada

Saiba que a nutrição tem um enorme impacto no pós operatório. Vamos utilizar como exemplo uma lipoaspiração. Não é incomum encontrar pessoas que passaram pela cirurgia e algum tempo depois voltaram para o peso anterior ou engordaram.

Isso acontece porque a cirurgia só é eficaz em conjunto com alimentação saudável e exercícios físicos. Por mais que a operação retire o excesso de células de gordura e fique mais difícil o ganho de peso, isso não é impossível, ainda mais a longo prazo.

A alimentação não interfere apenas no emagrecimento; depois de um procedimento cirúrgico, comer corretamente ajuda a recuperação e a cicatrização, que podem ser bem mais rápidas e efetivas.

Um dos maiores medos das mulheres, a celulite, pode ser minimizada ao evitar alimentos fritos, processados, ricos em sódio, bebidas alcoólicas, etc.

Rugas, ressecamento da cútis, cabelos e unhas quebradiças também podem ser consequências de maus hábitos alimentares, e pouca ingesta de líquidos, frutas e verduras.

Como seguir uma alimentação saudável no dia a dia?

Vamos conferir quais são algumas ótimas opções para um cardápio saudável:

As Vitaminas A, C e E têm ação antioxidante, atenuam o aparecimento de acne, rugas e ainda dão maior hidratação a pele. Alguns dos alimentos ricos nessas são batata doce, cenoura, abóbora, kiwi, acerola, manga, mamão, gema do ovo, morango, laranja, couve e azeite extra virgem.

A vitamina B, presente em carnes, cereais integrais, vegetais verde escuros, amendoim e levado de cerveja, são importantes para combater unhas quebradiças e queda capilar.

Evite ao máximo o excesso de sal, enlatados, fast-food e embutidos (salsicha, mortadela e presunto), pois podem causar retenção de líquidos, responsável pelo inchaço.

Alimente-se com calma

Além dos alimentos, a forma como você come também faz muita diferença. Atualmente, existem correntes que defendem períodos de jejum, para diminuir a carga inflamatória de uma alimentação muito constante. Por outro lado, para diminuir a ingesta calórica, pequenas refeições ao longo do dia ajudam na perda de peso e controle do apetite. Defensores desta filosofia justificam que longos períodos sem comer, além de deixar o metabolismo mais lento, a chance de você sentir muita fome e fazer uma refeição exagerada é maior.

Opte por pequenos lanches com os alimentos certos ao longo do dia fazendo substituições; no lugar de comer um misto quente no café da manhã, troque por um pão integral com ovos, por exemplo.

Escolha um lugar para sentar e comer com calma. Na correria, ás vezes fazemos refeições com muita pressa, o que acaba sendo negativo, pois não traz saciedade e faz com que belisquemos guloseimas durante o dia todo.

Gostou das dicas e também quer saber mais sobre procedimentos estéticos? Confira o site do Dr Eduardo Lange.

 

Share This